Candidaturas abertas para projetos de eficiência em edifícios

O Fundo de Apoio à Inovação (FAI), do Ministério da Economia, abriu esta terça-feira um concurso para iniciativas privadas que visem melhorar o desempenho energético dos edifícios.

O fundo irá conceder até 1,05 milhões de euros, com um limite de 350 mil euros por projeto. Mas o limite poderá ser ampliado para 500 mil euros no caso de o FAI decidir selecionar apenas uma iniciativa.

O concurso, que deverá selecionar os vencedores nos próximos três meses, está desenhado para apoiar projetos em edifícios de escritórios, unidades de saúde e serviços hoteleiros.

A primeira etapa do concurso acolhe candidaturas de edifícios até 22 de março. Na segunda fase, o FAI selecionará as empresas de serviços energéticos (ESE) que executarão os projetos de melhoria do desempenho dos edifícios escolhidos na primeira fase.

O fundo estatal irá apoiar até 70 por cento dos investimentos previstos nos projetos desenhados. Mas com as poupanças energéticas geradas, além dos seus benefícios próprios, as empresas terão de reembolsar a totalidade dos fundos recebidos do FAI.

O FAI será totalmente reembolsado num prazo de quatro anos. Na prática, o incentivo do FAI acaba por funcionar como substituto do financiamento bancário aos projetos das ESE.

Fonte PER

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s